A Estirpe

O ano era 2009. Berenice, Greta, Walter e Samir se mudaram para um castelo. Quando perceberam que estavam presos nos arredores já era tarde demais para que qualquer coisa fosse feita além de se conformarem com a nova condição de reféns do desconhecido.
O fantasma de Antony começa a aparecer e usa os recém chegados para retomar os planos podados há muitos séculos.
Tão refém quanto os outros, o único desejo de Antony é procriar. Ele possui os corpos dos homens e dá inicio a uma série de estupros forçando as mulheres a darem a luz até que míngüem as suas forças. O motivo de seus atos é revelado no decorrer da trama quando os protagonistas descobrem a verdadeira história por trás do fantasma. Não obstante, tomam conhecimento da sua ligação com a antiga família Montessales.
Antony aguarda pacientemente as meninas crescerem e atingirem a puberdade para continuar procriando.
Muitos anos passam e o ano agora é 2064. Rose, uma das descendentes decide partir para a cidade sem saber que este feito não será possível.
Tentando evitar uma desgraça, a idosa Berenice convoca uma reunião e revela de uma vez por todas as razões pelas quais não podem sair dos arredores.
Ao ouvirem as confissões de Berenice, as mulheres do castelo decidem também abrir os seus segredos. Nenhum homem tem conhecimento de ter sido o genitor das crianças que nasceram através dos anos, pois no momento das copulações suas almas estavam bem distantes de seus corpos - roubados pelo espectro.
Assim, outra família foi traçada por mim. Três gerações compreendem o período de 2011 a 2064. São estas pessoas que você encontrará nas páginas do Castelo Montessales.





Arte de Eddy Khaos 

Quem é filho de quem? Pai e mãe de quem mesmo?

A Primeira Geração:

Pai
Mãe
Filhos
Samir
Berenice
Romeo, David
Samir
Greta
Rita, Ben
Walter
Berenice
Richard, Ana, Luke
Walter
Greta
Angela


 A Segunda Geração:

Pai
Mãe
Filhos
Romeo
Ana
Kelly
Samir
Ana
Rose
Ben
Rita
Karen
Richard
Angela
Beatrice, Leon


 A Terceira Geração:
 
Pai
Mãe
Filhos
Ben
Karen
Tamara
Samir
Rose
Juna
David
Kelly
Brian, Paul















4 comentários:

  1. O que hei-de dizer que melhor traduza a minha opinião?! Simplesmente fantástico!
    E como não era de esperar outra coisa já puxei uma cadeira e daqui já ninguém me tira!!!
    Beijo Ssy

    ResponderExcluir